sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

Tocando na rádio mental




"Quantas chances desperdicei
Quando o que eu mais queria
Era provar pra todo o mundo
Que eu não precisava
Provar nada pra ninguém."

Nenhum comentário:

Postar um comentário